O Museu de Arte Brasileira da FAAP, com patrocínio da Tractebel Energia e Lloyds TSB Bank e apoio da Air France/KLM e do Consulado da Bélgica em São Paulo, realiza, a partir do dia 21 de novembro, a exposição “James Ensor. O visionário em preto-e-branco”.

A mostra conta com a curadoria de Xavier Tricot e reúne a coleção de 131 gravuras a água-forte de James Ensor, precursor do Expressionismo e considerado um importante pintor e gravador belga do final do século XIX.

A exposição será composta de um conjunto de obras pertencentes à coleção "Banque et Assurance KBC", exibindo um importante painel das realizações do autor.

A coleção "KBC" é a mais importante de obras gráficas do artista, pois percorre todos os períodos, estilos e técnicas, mostrando o charme, a contradição, as crenças e tradições.

São várias as temáticas abordadas: auto-retrato, sortilégio religioso e histórico, portos, paisagens, vida na cidade, natureza-morta, demônios, máscaras, esqueletos e imagens inspiradas nos pecados capitais. As paisagens mostram todo o amor que o pintor-gravador tinha pela sua cidade natal: são precisas, repletas de luz e poesia. As outras vertentes mostram o espírito rebelde e irônico, impregnado de visões fantasmagóricas.

A mostra irá surpreender os visitantes. Depois da tempestade irônica, sobrepõe-se a calma das paisagens. Depois dos detalhes tortuosos, a beleza meticulosa. Nas suas marinas ou campos, Ensor resgata a harmonia.



“James Ensor. O visionário em preto-e-branco”.
Local: Museu de Arte Brasileira da FAAP - [MAB-FAAP]
End: Rua Alagoas, 903 - Prédio 1 - Higienópolis SP
Data: de 21 de novembro de 2005 a 15 de janeiro de 2006
Horário: de 3ª a 6ª, das 10h00 às 20h00
                Sábados/domingos/feriados, das 13h00 às 17h00
Tel: (55 11) 3662-7198 - Visitas agendadas: (55 11) 3662-7200

ENTRADA E SERVIÇO EDUCATIVO GRATUITOS.