Susie Post

Susie Post trabalha como fotojornalista freelance desde 1990. Além de documentar a vida das pessoas, sua paixão, faz trabalhos editoriais e coletivos e trabalha para organizações de desenvolvimento sem fins lucrativos e para revistas. Nos últimos anos, Susie tem fotografado principalmente para a National Geographic Society, tanto para a revista como para a divisão de livros. Ela gosta de trabalhar em projetos de longa-duração, nos quais pode analisar um grupo de pessoas ou um lugar, e então tentar transmitir sua visão por meio da imagem. Susie teve a oportunidade de fazer ensaios como o da rodovia Panamericana, no Equador, registrar o modo de vida dos Bruderhof (uma comunidade anabatista), o cotidiano de uma escola de nível médio da América Central, a vida do Príncipe Edward Island, no Canadá, e fazer retratos nas Ilhas Aran, na Irlanda. Sua última história publicada na revista National Geographic foi a vida ao longo do Rio New, no leste dos EUA.

Durante vários anos ela também registrou a vida de pessoas contaminadas pelo vírus HIV e das pessoas que as ajudam. Esta série inclui ensaios nos Estados Unidos, Uganda, Haiti e Romênia e foi compilada em Salt in their Tears, série educacional realizada em vídeo e usada em escolas de ensino médio e em comunidades religiosas como parte de projetos de prevenção à aids. Entre seus estão Life Magazine, New York Times Sunday Magazine, Newsweek, Forbes, Philadelphia Inquirer Sunday Magazine, World Vision, Missions USA, Compassion International, e Food for the Hungry. Ela também participou do livro Descubriendo Ecuador, no qual 40 fotógrafos documentaram a situação dos equatorianos.
Susie trabalhou em vários países da África, Europa, América Central e América do Sul. Antes de decidir-se pela carreira freelance, fotografou para o The Pittsburgh Press (1987-90, Pittsburgh, PA) e do Morning News Tribune (1986-1987, Tacoma, WA).

Susie é graduada em Jornalismo na Universidade do Missouri em Columbia e é Bacharel em Administração de Empresas pela UNC Chapel Hill. Dentre seus prêmios estão o Robert F. Kennedy Award por Coverage of the Disadvantaged, fotos individuais, perfis, ilustrações, reportagens, prêmios de "Fotos do Ano" na Universidade do Missouri e também colocações individuais e em conjunto em concursos locais. Durante o ano letivo de 1999/2000, Susie lecionou como professora-residente na Universidade Western Kentucky, em Bowling Green. Atualmente ela mora em Birmingham, Alabama, e estará em São Paulo entre 28 de outubro e 1º de novembro para a abertura da mostra Fotógrafas da National Geographic, patrocinada pelo National Geographic Channel (NGC) Brasil. Dentre as 55 fotos da coletiva, a artista apresenta sete trabalhos. São eles:

Hora do intervalo na Escuela Nacional Urbana Mixta, em Todos Santos, uma das cidades maias mais sólidas a oeste da Guatemala. (Guatemala / 1998)

A mãe índia prepara a filha para uma cerimônia de dança tribal em Pena Bijagual, vila choco às margens do Rio Tiura, no desfiladeiro Darien. (Panamá / 1999)

Três homens tentam pegar um porco na rodovia Panamericana em Otavalo, norte do Equador. (Equador / 1998)

Rapaz pede esmolas aos passageiros de um ônibus que cruza o Equador pela rodovia Panamericana. (Equador / 1998)

Casal dança tango acompanhado de músicos em uma rua de Buenos Aires. (Argentina / 1999)

Retrato de Mairin Ni Fhlatharta nas Ilhas Aran. (Irlanda / 1995)

Casal dançando tango no Club Alegro, em Buenos Aires. (Argentina / 1999)

 



De 7 de fevereiro a 17 de março, 2º a 6º feira 8h às 22h sabado, domingo e feriados,13h às 21h.