nº 9 - 2 semestre de 2001      


Edson Gardin
18 de setembro de 1950. Está inaugurada a televisão no Brasil...PRF-3, Tupi Difusora. Em sessão solene realizada em São Paulo, Assis Chateaubriand e Homero Silva levam ao ar (ao vivo) o primeiro programa da televisão brasileira: "Show na Taba", que mesclava música, humor, dança e um quadro de dramaturgia, apresentado pelo próprio Homero Silva, com direção de Demirval Costa Lima e Cassiano Gabus Mendes.

O hino composto para a ocasião seria cantado por Hebe Camargo, mas foi interpretado pela atriz Lolita Rodrigues. Comenta-se que Hebe resolveu sair para namorar bem na hora H...

- "Estamos ao vivo!!!"
Respirar para Cassiano Gabus Mendes estava difícil. Ao final da transmissão, quando todos já se sentiam aliviados, veio a pergunta: - "O que vamos colocar no ar amanhã???"

Assim começou a televisão no Brasil... muita vontade, pouca experiência e muito sacrifício!!!
Dizem que a emoção foi tanta, que Assis Chateaubriand inaugurou sua emissora igualmente como se batiza um navio: quebrando uma garrafa de champanha na lente da câmera. Como conseqüência, a transmissão, que teria três câmeras, passou a ter só duas. São Paulo foi o primeiro estado da América Latina a ter uma emissora de televisão. Em pouco tempo, o interesse foi tão grande que empresas de São Paulo e Rio de Janeiro começaram a importar aparelhos para vender ao público.

Hino da Televisão

Vingou como tudo vinga
no teu chão, Piratininga
A cruz que Anchieta plantou!
Pois, dir-se-á que ela hoje acena
Por uma altíssima antena
Em que o Cruzeiro pousou.
E te dá, num amuleto,
O vermelho, branco e preto
Das contas do teu colar.

E te mostra num espelho,
O preto, branco e vermelho,
Das penas do teu tocar.

Entre os primeiros programas, além dos filmes, destacava-se " A escolinha de Ciccilo": um sucesso levado do rádio para a televisão por Ribeiro Filho. Aos 14 anos, Walter Avancini já atuava como ator e interpretava um adolescente italiano. Hebe Camargo e Ivon Curi faziam sucesso e entravam para a história cantando "Noite de Luar".

próxima página >