Responsabilidade Social
FAAP 70 anos

Apresentação

O conceito de responsabilidade social norteia os princípios da FAAP desde antes de sua fundação, quando o conde Armando Álvares Penteado e sua esposa Annie apenas sonhavam em erguer uma escola de artes no bairro de Higienópolis.
Ao longo dos anos, especialmente a partir da década de 1960, a preocupação com a sociedade ficou ainda mais evidente, com a abertura do Museu de Arte Brasileira (MAB-FAAP), com ricas exposições, sempre gratuitas.
Já no início do século XXI, além do Museu, que notadamente já desenvolvia importante trabalho sociocultural, começaram a surgir outras iniciativas de projetos de apoio a comunidades próximas, com envolvimento de alunos, professores e funcionários.
Em pouco tempo, o volume dessas ações cresceu demasiadamente, de forma que foi necessário organizá-las melhor. Em 2003, foi criado o departamento FAAP Social, responsável por centralizar, planejar e executar as ações sociais que, naquele momento, deixavam de ser uma série de atividades de pequenas proporções, transformando-se em grandes projetos.
Hoje, a responsabilidade social está atrelada à FAAP como um todo, nos projetos sociais desenvolvidos, no respeito por seus colaboradores, nas matérias em sala de aula e nos trabalhos desenvolvidos pelos alunos.
O reconhecimento desse investimento veio com a conquista de cinco prêmios Top Social ADVB (Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing do Brasil).

Voltar
FAAP SOCIAL
FAAP SOCIAL @Copyright 2002/2017 FAAP SOCIAL - Todos os direitos reservados