FAAP
Retratos da Brasilidade Retratos da Brasilidade

A EXPOSIÇÃO

A riqueza e a diversidade presentes na cultura brasileira são destaques da exposição “Retratos da Brasilidade”, em cartaz de 10 de fevereiro a 10 de maio no MAB-FAAP. A mostra - com entrada gratuita - apresenta 70 obras, entre gravuras, pinturas, fotografias e esculturas de diferentes períodos, tendências e técnicas.

É possível apreciar, por exemplo, cenas dos séculos XIX e XX, que focam o trabalho, os tipos humanos, a fauna, a flora e a cultura popular tradicional. As obras retratam episódios do cotidiano, tanto do passado como da atualidade, festas tradicionais e imaginários religiosos. Traz ainda um recorte da grande paixão nacional, o futebol.

Estão na exposição obras como as gravuras de Johann Moritz Rugendas, com representação de cenas do século XIX no Brasil, a tela Caboclas Montadas, de Lasar Segall, a pintura Carnaval, de Emiliano Di Cavalcanti e fotografias de Pierre Verger, com temática da cultura popular tradicional.

Também compõem a mostra o desenho Capoeira, de Carybé, a pintura naif Festa de São João, de Aldir Sodré de Souza, a gravura Carnaval, de Lívio Abramo e o desenho a carvão sobre papel Garimpeiro, de Cândido Portinari, entre muitas outras.

O objetivo da exposição é transmitir aspectos essenciais da cultura brasileira. É o olhar do artista sobre o Brasil. Por isso, o MAB-FAAP reuniu artistas de diferentes períodos e de tendências artísticas diversas. São expoentes do academicismo, do modernismo e seus continuadores, da arte contemporânea e de manifestações da arte naif.

A exposição conta com serviço educativo, que deve ser agendado pelo telefone (11) 3662-7200.